Inscrições abertas para trabalho voluntário com refugiados em Brasília e São Paulo

Para se candidatar é preciso ser graduado ou estudante de nível superior e ter conhecimento avançado em línguas. Conhecimento em árabe é uma demanda especial para o processo seletivo.

A Coordenação-Geral do Comitê Nacional para os Refugiados está selecionando voluntários para auxílio em atividades administrativas em Brasília e em São Paulo. A colaboração inclui transcrições de áudios de entrevistas dos solicitantes de reconhecimento da condição de refugiado, investigações e diagnósticos dos aspectos geopolíticos dos países de origem dos solicitantes, além de atendimento ao público e inclusão de dados no Sistema SisConare, que será lançado nos próximos meses.

São requisitos para o trabalho voluntário: ter conhecimento avançado em inglês, francês, espanhol e/ou árabe e ser graduado ou estudante de nível superior. Há preferência por universitários e graduados em Direito, Relações Internacionais, Letras, Ciências Sociais, Serviço Social e áreas correlatas, mas o edital é aberto a todos os cursos. O interessado deve ser proativo, organizado e ter aptidão para ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade.

As atividades têm início previsto para 15 de outubro e duração de três meses, com possibilidade de prorrogação do tempo de serviço. Quem se comprometer com o voluntariado deve ter disponibilidade de, pelo menos, 12 horas semanais. Os colaboradores exercerão as atividades presencialmente em Brasília e em São Paulo.

Os selecionados atuarão de forma voluntária, sem qualquer tipo de remuneração ou vínculo empregatício com a Administração Pública Federal. O Ministério da Justiça emitirá certificado das atividades exercidas pelo colaborador. Terá direito ao certificado o voluntário que cumprir o tempo mínimo de prestação de serviços, sem interrupção.

Para o Coordenador-Geral do Conare, Bernardo Laferté, o Programa Nacional de Voluntariado permite uma rica troca de experiências entre contribuintes e o serviço público, além de auxiliar a resolução de questões do dia a dia da Administração Pública e ajudar no desenvolvimento da sociedade brasileira. “Para quem objetiva trabalhar com refugiados, a oportunidade de ser voluntário no Conare é uma grande oportunidade para se aprofundar no tema do refúgio no Brasil e no mundo”, reconhece Laferté.

Inscrições

Os interessados deverão encaminhar currículo para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. até o dia 23 de setembro, com o assunto “Voluntariado Conare - DF” ou “Voluntariado Conare - SP”, a depender de qual estado está se candidatando.

Os currículos devem ser enviados em PDF e ter no máximo 1 página. A nomenclatura do arquivo deve ser o nome completo do candidato. Os documentos serão analisados e os voluntários selecionados serão convocados para realização de entrevista presencial.

Veja o edital.

Fonte: Ministério da Justiça - MJ

Refugiados e Refugiadas